Veja como melhorar seu sentido de cheiro (olfativo) e melhore sua degustação

Há muitas razões que você pode querer melhorar o seu sentido de cheiro. Por um lado, está intimamente ligada ao seu sentido do gosto. Tente degustação dos alimentos com o seu nariz comprimido! Também é uma habilidade necessária para descrever os aromas de café, vinho e cerveja e mesmo o do chá. E, em geral, ser capaz de sentir o cheiro das sutilezas do perfume de uma flor, ou da pele de alguém, ou folhas de outono, pode oferecer uma dimensão mais profunda de prazer. Além disso, você sabia que o nariz humano de uma pessoa comum pode detectar cerca de 10.000 aromas distintos?

Primeiro passo, mais atenção ao que você já cheira. As pessoas costumam dizer “use-o ou perca-o” sobre os músculos, mas o mesmo pode ser aplicado para os sentidos. Quanto mais você usar os seus sentidos melhor eles ficam. Aprenda a descrever cheiros. Você pode até querer manter um diário olfativo se quiser. Para a prática extra, ter alguém para segurar várias coisas para você enquanto você está com os olhos vendados e veja se consegue identificar os cheiros.

Segunda dica, note como certos cheiros fazer você se sentir. As terminações nervosas do sentido olfativo estão diretamente ligados à parte emocional de seu cérebro, deixando a sua racionalidade fora da equação. Estudos descobriram, por exemplo, que o cheiro de embalagens de fast food, pão fresco ou de pastelaria poderiam aumentar a probabilidade de raiva em uma pessoa. Por outro lado o hortelã e a canela melhoram a concentração e ajudam a diminuir a irritabilidade em motoristas e o cheiro do limão e café podem promover o pensamento claro e níveis de concentração elevados em geral.

Terceira dica, evite alimentos que causam a produção de muco em excesso. Você já reparou que o seu sentido de cheiro desaparece, ou talvez desaparece completamente, quando você tem um resfriado? Congestionamento nas membranas no nariz onde estão as terminações nervosas sensíveis ao cheiro podem diminuir sua capacidade de cheirar. Por isso evitar alimentos que promovem a obstrução das vias aéreas por produção de muco como o creme de leite, queijo, iogurte e gelo podem ajudar sua sensibilidade olfativa.

Quarta dica, evite substâncias que podem prejudicar o seu sentido de cheiro. Alguns remédios pode fazer você perder o seu sentido de cheiro, como alguns produtos de aplicação intranasal (como soros para resfriado). Mantenha o álcool a um mínimo, como o seu senso cheiro é prejudicado com o aumento dos níveis de álcool no sangue.

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

Quinta dica, como alimento que contenham Zinco. Os alimentos com zinco evitam a Hiposmia (o termo médico para um sentido de cheiro prejudicada). Para impulsionar o seu sentido de cheiro, tente comer alimentos ricos em zinco, como ostras, lentilhas, sementes de girassol, nozes.

Um alerta.

A perda repentina do sentido do olfato é mais comumente devido à infecção do trato respiratório superior, como sinusite e do resfriado comum. Menos comum, a incapacidade de cheiro pode ser devido a doenças tais como danos do nervo craniano I (o nervo olfactivo), fibrose cística, causando pólipos nasais, hipotiroidismo, doença de Parkinson, doença de Alzheimer, síndroma de Kallman do. Por isso é importante que você consulte um médico se tiver perda inexplicável de sentido do olfato.

Talvez você goste disso também:

Sobre: Flecha

Escrevendo on the Rocks na Internet

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
17 − 10 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>