“Tropeços, equívocos, decepções”.

“Tropeços, equívocos, decepções”.
Como eu queria se rum super perfeito e pular esta parte azucrinante de ser sentimental, mas estou bem longe, muito, além disso. 
Meu atravessar pelo caminho.
Minhas maneiras e disposição, diz muito sobre mim.
Mas nem sempre tudo.
Despenhei, andei a esmo, suportei montes..
Mas por cima de tudo aprendi e modifiquei com cada exemplo que a vida me indicou.
A única verdade que tenho para proporcionar está aqui em presença de todos.
Com meus erros e acertos vivo como você.
E cá sou eu.
Daí você.
Sou vivido, sou renovado, assim sou eu mesmo agora. 
Alucinado pra apagar das lembranças meus deslizes.
Apreensivo para fazer a coisa certa de hoje em dia para frente.
Compreendam porque o quê mais importa é quem eu sou neste momento.
Portanto não me julguem fora do alcance.
Olhe em suas costas sem espelho.
Assim é nossa vida, com frente única, mas devemos sempre procurar mudar é o que fiz.
Tente e faça também. 

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
26 − 1 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>