Projeto Outernet planeja Internet do espaço, grátis para todo Mundo

Uma organização Norte Americana, denominada, ( Outernet), com o, apoio de um grupo de investidores dos Estados Unidos, denominado, (MDIF)- Fundo de Investimento dos Média, planeja um projeto ambicioso denominado, de, (Outernet1),o tal projeto pretende revolucionar, a computação on line. Dando acesso livre, e de graça para cada pessoa da Terra.
O projeto consiste, em lançar centenas de mini satélites conhecidos, como, ( CubSats), em órbita baixa da Terra até junho de 2015. Se tudo ocorrer, como o planejado, os chineses, e os norte coreanos terão uma internet grátis sem censuras, fornecida pelos mini satélites.
A (Outernet), pretende lançar centenas desses mini satélites, em pouco mais de uma ano, e planeja uma frota com cerca de 24 mini satélites operacionais e testes para preparar o caminho para uma rede de abrangência global. Os satélites não irão fornecer internet convencional imediatamente. Eles vão ser, inicialmente utilizados para comunicação one- way, onde, serão fornecidos serviços como, atualizações de emergência, notícias, preços da safra e programas educacionais.
Os usuários irão ajudar a determinar qual o conteúdo será oferecido. Os defensores do projeto, dizem que o conteúdo é um direito de todos, cerca de 40% da população no Mundo não tem acesso á Web, e pretendem fornecer o acesso, mesmo em países comandados pelos ditadores.
”Nos iremos gerar um fluxo de notícias independentes, informações e debates, onde pessoas precisam construir livres e prósperas sociedades”, disse Peter Whitead, Presidente do (MDIF).
”Daqui á cinco anos a Outernet vai poder oferecer uma web mais interativa, o que permitirá que os usuários tenham acesso a informação disse, Syed Karim, Diretor de Inovação do (MDIF).
karin também disse, que isso seria possível muito antes se os gigantes das telecomunicações, tivessem investido em alguns satélites com mega capacidade, como o da América do Norte. (Via Sat1).
Três anos e U$ 12 bilhões, seria o necessário para fazer o trabalho, estimou karin. (Em uma entrevista para o jornal,Daily Mail Report). ” Nós não temos $ 12 bilhões, por isso vamos fazer o máximo que pudermos com os (CubSats). Para determinar o alcance de sua frota global, a, (Outernet), terá que determinar o ganho no seu sinal. Um maior ganho reduziria o alcance do satélite, mas forneceria velocidades, mais rápida.
O primeiro teste da frota ajudará a determinar o equilibrio certo. Enquanto os Engenheiros da (Outernet), estão se preparando para o lançamento. A (Outernet), está pedindo á Nasa para deixa-los testar sua tecnologia na (Estação Espacial)
Enquanto o,grupo (MDIF), está buscando apoio, daqueles que acreditam nessa causa, além das fontes tradicionais como, a doação Paypal, eles também estão aceitando moedas on line como, Bitcoin e Dogecoin.

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
25 − 11 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>