Por quê?

As perguntas são tantas e as repostas nem aparecem. É real de que as perguntas é que movem o mundo porque as respostas nunca são satisfatórias e nem exatas. Por que o homem se destrói tanto? Essa é uma pergunta que ninguém saberá a resposta. Por buscar tanto e não encontrar nada? Sei lá.

Somos movidos por impulso elétrico e diga que minto! Se não fossem os impulsos elétricos levados ao cérebro e espalhados pelos movimentos de todo o nosso corpo através das correntes sanguíneas não movíamos nem um fio de cabelo para o crescimento. Vegetamos a maior parte do tempo por falta de conhecimento e hoje temos o conhecimento em toda parte que olhamos.

As bibliotecas estão abertas em período comercial para explorarmos o mais intimo de cada escritor e redator que estão vivos e pulsando curiosidade em seus neurônios. Temos a internet a maior fonte de informação mundial do LIXO ao LUXO. E você prefere ficar vendo pornografia e big brother?

Nós desperdiçamos a maior parte da nossa tão valiosa vida com bobagens e futilidades que não nos levam a nada. Vamos discutir o caso das drogas com mais profundidade e respeito aos viciados eles só se viciaram por estar ali na esquina e nossa segurança não vê que bem ao lado tem crianças estudando ou alguns querendo ter o conhecimento para combater o que vê lá fora. Somos MEDIOCRES           ao ponto de imitar uma sociedade que é podre em costumes e éticas desatualizadas. Formalidades de um País que me da nojo de ver enquanto se faz festa de pizza e altas rodadas de trilhas do mais puro pó que vem da Colômbia.

Vocês lembram se das pesquisas que foram feitas com a água do esgoto para saber o teor de droga encontrada? Brasília foi campeã. Vou parar de escrever se não escrevo muita besteira que os políticos não vão gostar de ler.

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

Talvez você goste disso também:

Sobre: gel rodrigues

Vamos escrever o que vem do conhecimento que adquirimos assim mostrar o que tem de novo para bisbilhotarmos no bom sentido da palavra.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
30 ⁄ 15 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>