Operadoras vão barrar celular sem procedência

A partir de 2013 as operadoras, junto com a Anatel, vão barrar aparelhos que não tem certificação e procedência, principalmente aqueles que são réplicas de modelos famosos como Iphone, Galaxy S3 e outros.

Uma das explicações da baixa qualidade da rede das operadoras é pelos aparelhos, que fazem a ligação ter baixa qualidade, caindo sempre e assim o usuário acha que o problema é com a rede e não com o aparelho, as operadoras se defendem dizendo que o aparelho de procedência duvidosa não ter certificação, não passou com controle de qualidade, por isso a necessidade de se retirá-los do mercado, ainda mais esses aparelhos que servem para 2,3,4 chips ao mesmo tempo.

O Chip da operadora, junto com o IMEI do aparelho vão mostrar quem é ou não é certificado e se não for simplesmente não terá acesso a rede, isso na teoria, até que alguém gênio não faça novamente esses aparelhos funcionarem.

Outra coisa, muitas vezes não adianta o consumidor reclamar, pois a maioria deste tipo de aparelho não tem nota fiscal, já que não é certificado para funcionar na rede brasileira, em um caso extremo ele poderia ser processado por receptação de produto contrabandeado ou descaminho.

Por isso agora é pensar se vale a pena comprar aquele aparelho sem procedência ou um de marca, com nota fiscal, para não ficar sem linha, uma outra coisa, aparelhos não certificados sempre foram alvo de insinuações que poderiam gerar uma radiação muito maior que o “normal” e assim provocar um câncer pelo seu uso, mas ainda nada disso foi comprovado.

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
16 − 13 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>