Ganhe R$80 por Dia. SEM INDICAR NEM VENDER


Investimentos com TI

Precisando de Dinheiro?

Ganhe R$80 por Dia
Sem Indicar nem Vender
Apenas Visualizando Anuncios
Forneça seus Dados para Começar

Segundo Gonçalo João Vitorino de Jesus (2006), os Investimentos em TI são relativos, e diferentes de acordo com o porte da empresa, dependendo muito da atual situação em que vive a empresa de pequeno, médio ou grande porte no mercado, esses investimentos variam muito de empresa para empresa, pois as necessidades com tecnologia nem sempre serão as mesmas. Existem investimentos em TI que podem ser caros ou baratos, pode ser que um investimento barato traga grandes lucros e retornos à organização, ou pode ser caro e não trazer nenhum benefício, por isso como foi dito anteriormente cada caso é um caso, e cabe à empresa identificar qual investimento será melhor para atender sua demanda e suas reais necessidades. Sendo que pesquisas mostram que empresas de pequeno e médio porte, que são bem sucedidas é mais econômica em investimentos em TI que empresas de grande porte. Antes de qualquer investimento a primeira avaliação que deverá ser feita é o custo benefício que este investimento poderá trazer a organização. Após essa pré-avaliação cabe à parte responsável da alta administração, juntamente com a área de TI, fazer uma pesquisa interna, onde poderão ser identificados quais os pontos fortes e fracos da organização, como por ex: Qual é o produto que gera receita na organização? Quantidade e ganho do que vende a organização? Se há estoque controlado? Como é diferenciado produto que é vendido do concorrente? Onde se deve investir? Onde se deve manter? No que investir? Qual tecnologia utilizar? Quando investir? Quanto tempo para implantação? Qual retorno? São estas e mais centenas de perguntas que deveram ser feitas antes de se fazer um investimento em TI, e para que seja bem sucedido este investimento, deverá haver o perfeito alinhamento entre a alta administração, área de TI, Planejamento Estratégico e os Stakeholders .
Aspectos como o custo, tempo de implantação e retornos dos investimentos realizados, também deverão ser analisados. Um exemplo claro seria um projeto de TI desenvolvido pela própria organização, dependendo do tamanho deste projeto que será desenvolvido e implantado internamente, o custo com profissionais que serão envolvidos no projeto, e com o próprio desenvolvimento e implantação é muito alto, pois isso envolve conhecimento, e hoje conhecimento custa caro, e dependendo da complexidade deste projeto, poderá levar meses ou até mesmo anos até a sua implantação, por isso é de total responsabilidade da organização avaliar se este investimento ira trazer o retorno esperado.
De acordo com pesquisas realizadas por Gonçalo João Vitorino de Jesus (2006), um investimento que esta se tornando popular, e esta atingindo uma grande fatia de mercado entre as empresas principalmente de pequeno e médio porte, são o Outsourcing ou comodato, seja ela de equipamentos “Dados, voz e vídeo” ou sistemas de Gestão e colaboração, no qual, a empresa, não investi em equipamentos, ou desenvolve seu próprio sistema, ela através de um contrato com uma empresa que é especializada neste tipo de serviço, paga somente pelo serviço e suporte, (garantia de SLA ) do sistema ou equipamento, sem arcar com nenhum investimento em manutenção  dos mesmos, devendo manter contratos duradouros.

Talvez você goste disso também:

DOBRE SEU INVESTIMENTO em 90 DIAS

Não precisa indicar ninguém para dobrar seu investimento em 90 dias.

Basta Acessar oTudo.com/GC e Cadastrar-se.



Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>