Ganhe R$80 por Dia. SEM INDICAR NEM VENDER


Ferramentas de Virtualização

Precisando de Dinheiro?

Ganhe até $80 por Dia
Sem Indicar Nem Vender
Forneça seus Dados para Começar

Existem muitas ferramentas e softwares de virtualização, neste ponto iremos citar os mais utilizados no mercado por empresas e organizações:

VMware

O software de virtualização  VMware é hoje um dos mais utilizados em empresas para criação de maquias virtuais, possui recursos e interface completa para acomodação de maquinas virtuais.As principais aplicações fornecidas pelo software são:
•    Ambientes de desenvolvimento
•    Ambientes de suporte
•    Migração e Consolidação
•    Simulação de Instalações de Rede
•    Balanceamento de Carga
Segundo Alexandre Carissimi (2008) o VMware possui uma infra-estrutura de virtualização completa com recursos e aplicações tanto para servidores quanto para desktops, onde são organizados em três categorias: gestão e automatização, infra-estrutura virtual e virtualização de plataformas. Na categoria de estão e automatização é possível automatizar e centralizar a gerência de todos os recursos da infra-estrutura virtual, podendo assim monitorar o sistema, auxiliando na conversão de sistemas físicos em virtuais, na recuperação de desastres, entre outros. Na categoria de infra-estrutura virtual é possível monitorar e alocar recursos para as maquinas virtuais de acordo com a necessidade, podendo assim atender os requisitos do negócios para qual foi destinada a aplicação. Através do software também é possível ter alta disponibilidade e integridade dos dados, com recursos de backup, e segurança na migração de maquinas virtuais e atualização de versões.

Xen

De acordo com Alexandre Carissimi (2008), o Xen é um monitor de máquina virtual (hypervisor ou VMM), em software livre, licenciado nos termos da GNU General Public Licence (GPL), para arquiteturas x86, que permite vários sistemas operacionais hóspedes serem executados em um mesmo sistema hospedeiro. O Xen é originário de um projeto de pesquisa da universidade de Cambridge, que resultou em um empresa, a XenSource inc, adquirida pela Citrix System em outubro 2007.
Usando a virtualização completa, que envolve o mapeamento de chips de computador como o processador e o controlador do teclado, torna a máquina virtual independente de sua infra-estrutura física e por isso tem grande fleibilidade.
“O Xen é um sistema popular de virtualização que usa o modelo de paravirtualização, apesar de das versões 1.x utilizarem seus próprios drivers de dispositivos, a versão 2, concentrou-se em manter o hypervisor com o menor tamanha possível”.(GARLOFF, KURT ,2006 apud MACAGNAMI, BRUNO, 2008).
Com a nova versão do Xen alguns recursos foram incluídos:
•    Suporte a máquina SMP virtuais: Apesar de oferecer suporte a múltiplos processadores, era preso a um único CPU. Na versão atual já é possível mudar isso, existe a possibilidade de mudar o numero de CPU virtuais em tempo de execução.
•    Suporte a ACPI: Nas versões anteriores o suporte era rudimentar.
•    Melhor suporte a hardware: Correção com relação ao suporte a AGP e DRM (gráficos 3D).
•    Suporte a Arquitetura X86-64: A variante de 64 bits da arquitetura x86 elimina todas as restrições associadas ao espaço de endereçamento de 32 bits.
O Xen encontra-se em um acentuado grau de maturidade, pode ser utilizado em sistemas de produção. O seu código fonte está liberado sob a licença GNU. Atualmente o Xen suporta os sistemas Windows XP, Linux e Unix.

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

 QEMU

Segundo Laureno Mauro (2008) o QEMU é um emulador de sistema muito poderoso, gratuito e livre. Com uma interface de extrema facilidade o emulador de sistema tem crescido muito dentro dos ambiente Windows. Utilizando comandos simples para tarefas que podem ser complicadas em outros emuladores.
Com a utilização da tradução dinâmica, o emulador converte partes do código para quer o processador execute o conjunto de instruções, como técnica o QEMU utiliza um grande poder de processamento.
O QEMU pode trabalhar com a emulação total do sistema ou emulação no modo usuário.
O Qemu tem grandes característica que o tornam peculiar dentro das podemos citar: ele não requer alterações ou otimizações no sistema hospedeiro(anfitrião), facilmente utilizado e suporte a auto-emulação – é possível chamar o QEMU de dentro de outro QEMU.

Virtual PC

Esta ferramenta foi criada pela Microsoft para a criação de máquinas virtuais.
De acordo com Alexandre Carissimi (2008), O Virtual PC 2007 é uma máquina virtual para família Windows que pode ser configurada para executar qualquer outro sistema operacional. Segundo a Microsoft, o principal objetivo do Virtual PC é o desenvolvimento e teste de software para múltiplas plataformas. Dentro desse princípio, o Virtual PC oferece mecanismos para interconectar logicamente as diferentes máquinas virtuais. Cada máquina virtual tem seu próprio endereço MAC e endereço IP. Além disso, o Virtual PC oferece um servidor de DHCP, um servidor NAT e switches virtuais. Dessa forma, é possível construir cenários de rede usando máquinas virtuais. O virtual PC 2007 é disponível para download, assim como um white paper que ensina a configurar as máquinas virtuais e um ambiente de rede.

 VirtualBox

Assim como o Vmware, Virtual PC, o VirtualBox, é uma ferramnerta desenvolvida pela SUN Microsystems, onde seu objetivo é a criação de maquinas virtuais contendo sistemas operacionais de mesma ou diferente plataforma, dentro de um mesmo equipamento independentemente do hardware utilizado.
O VirtualBox possui uma interface de facil entendimento para o usuario e simples instalação e configuração. Por exemplo: você pode iniciar uma máquina virtual em uma máquina típica virtual de interface gráfica e, em seguida, controlar essa máquina a partir da uma linha de comando, ou possivelmente remotamente. O VirtualBox também vem com um kit completo desenvolvimento de software: embora seja de código aberto, você não tem que cortar a fonte de escrever uma nova interface para VirtualBox.
Diferente de qualquer outro software de virtualização, o VirtualBox apóia inteiramente o padrão Remote Desktop Protocol (RDP). Uma máquina virtual pode atuar como um servidor RDP, o que lhe permite “executar” a máquina virtual remotamente em alguns serviços que exibem os dados RDP.
Mas a ferramenta possui algumas restrições, diferentemente do Vmware, o Virtual Box não dispõe recursos para utilização de maquinas virtuais com mais de um processador, por isso dependendo da capacidade de desempenho e performamce do equipamento onde sera criado a maquina virtual, podera comprometer a instabilidade, tornando o sistema restrito.

Talvez você goste disso também:

DOBRE SEU INVESTIMENTO em 90 DIAS

Não precisa indicar ninguém para dobrar seu investimento em 90 dias.

Basta Acessar oTudo.com/GC e Cadastrar-se.



Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
28 ⁄ 14 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>