Entenda como se desenvolve o transtorno do Estresse Pós-traumático

No transtorno de estresse pós-traumático, sintomas horríveis passam a ocorrer com o paciente depois que o mesmo vivenciou um incidente desafortunado.Em sua maioria, as pessoas que desenvolvem o TEPT passaram pelo incidente pessoalmente.

O paciente também pode ter vivenciado a violência advinda de um parente próximo ou distante para ele ou para outro, e ele provavelmente se deu através de agressões físicas, ameaças de violência ou ameaças de morte.

Quando as pessoas são expostas à violência por meio da mídia, esse acontecimento não é considerado passível de causar traumas que possam ocasionar o TEPT.

  • Isso ocorre a não ser que essa violência assistida seja parte da função de uma pessoa, por exemplo, quando o evento já ocorreu e os policiais são chamados para o local.

Saiba como se desenvolve o transtorno de estresse pós-traumático

Conheça alguns tipos de traumas que podem ocasionar o TEPT:

  • Combate em guerras ou confrontos militares
  • Graves acidentes de carro, de avião e barco
  • Acidentes no local de trabalho
  • Acidentes envolvendo desastres de ordem natural como vulcões em erupção, furacões e tornados
  • Assaltos, roubos e o uso de armas de fogo nos mesmos
  • Abuso infantil, incesto e violação física
  • Reféns em sequestros
  • Tortura política
  • Ser preso em um campo de concentração

É importante saber que o estresse grave como nos exemplos mencionados acima não irá, necessariamente, causar o transtorno de estresse pós-traumático.

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

De fato, a grande maioria das pessoas que vivenciam um trauma horrível não desenvolvem essa condição. A gravidade do fator de estresse não é igual à gravidade dos sintomas, necessariamente.

  • As respostas ao trauma podem ser absolutamente distintas. Muitas pessoas acabam por desenvolver transtornos mentais diversos, que não o TEPT.

Saiba mais sobre as condições para o desenvolvimento do TEPT

  • Transtorno de estresse agudo é o termo usado quando os sintomas se desenvolvem no primeiro mês após um evento traumático.
  • O termoTEPT com início é usado quando os sintomas apresentam um período de latência de cerca de seis meses ou mais depois que o evento traumático ocorreu.

Não é estabelecido com clareza o que faz com que certas pessoas tenham propensão a desenvolver TEPT, mas é possível analisar fatores genéticos que são relacionados às reações ao estresse em cada pessoa.

Falando de modo mais simples, tem pessoas que conseguem se adaptar após vivenciarem um trauma grande, em resposta ao mesmo – as personalidades e os humores de cada um também são fatores que devem ser levados em conta quando falamos sobre a propensão à desenvolver TEPT.

A vivência de outros eventos traumáticos (especialmente na infância) e o apoio social no presente também podem ser extremamente determinantes se a pessoa irá, ou não, desenvolver o transtorno de estresse pós-traumático.

Os riscos para o desenvolvimento de transtorno do estresse pós-traumático são muito maiores em pessoas jovens, pobres, solteiras e que se isolam do convívio social – e isso pode ser considerado pela falta de apoio com a qual convivem.

Sintomas

  • Vivenciando pensamentos intrusivos, sonhos e todo tipo de mentalização perturbadora sobre o incidente traumático
  • Sentindo que vivencia o tempo todo o ocorrido, novamente
  • Ansiedade e sofrimento físico (palpitações, falta de ar, transpiração,tonturas)
  • Evitando tudo o que lembra o evento
  • Sendo incapaz de lembrar detalhes cruciais a respeito do ocorrido
  • Tendo crenças ou expectativas negativas a respeito de si ou sobre outros
  • Culpa-se continuamente ou a outros pelo incidente
  • Emoções negativas
  • Perdendo interesse em realizar coisas que já foram divertidas
  • Sentindo-se separado de outras pessoas
  • Sentimento emocionalmente entorpecido (incapaz de experimentar emoções positivas, como o amor)
  • Acreditando que sua vida será mais curta do que o esperado originalmente
  • Estar constantemente em atento ao perigo e se assusta com facilidade
  • Sensação de agitação (problemas para dormir, se irrita, agressivo, autodestrutivo, não consegue se concentrar)

Além de perguntar sobre os eventos traumáticos que desencadearam seus sintomas, seu médico perguntará sobre sua história de vida e pedirá que você descreva experiências positivas e negativas ou traumáticas.

Ganhe Dinheiro
Todos os Dias
Sem Vender Nada

Cadastre-se AQUI para Iniciar!

Suas circunstâncias atuais são muito importantes para que os psiquiatras df possam diagnosticar o transtorno de estresse pós-traumático.

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Enter Captcha Here : *

Reload Image

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>