oTudo.com
Você sabia que o autor deste artigo ganha dinheiro até hoje por te-lo escrito?

Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

Ganhar Dinheiro

Chuveiroterapia : terapia das cores

12 Flares 12 Flares ×

 

A Chuveiroterapia ou Terapia do Chuveiro, é uma técnica relativamente nova que deriva da Cromoterapia.

O banho de luzes liquida, é purificador e relaxante, ele alivia o corpo de todas as tensões e pressões, limpa as impurezas e vestígios de estresse que foram absorvidas durante o dia pelo seu corpo.

Com a energia aquática em conjunto o tratamento fica muito mais amplo, a limpeza feita na pessoa estende-se em todos os seus corpos sutis, atuando sobre todos os bloqueios e desiquilíbrios, reequilibrando e reativando tudo outra vez.

Quando você termina o banho sente-se rejuvenescida e com uma enorme sensação de leveza, com as energias recarregadas.

A Terapia do Chuveiro , trabalha com as Cores do Espectro Solar.

 

 

As cores podem ser:

 

 

Estimulantes: Vermelho, Alaranjado e Amarelo

 

Calmantes : Índigo, Azul e Violeta

 

Equilibrante : Verde

 

 

 

Atuação das Cores:

 

 

Vermelho:

 

O vermelho atua no sistema nervoso, estimulando- o. É a cor da atividade física.

É altamente excitante, energético e revigorante.

É a cor da sensualidade.

Representa o tempo presente.

Estimula a combatividade.

Nas glândulas suprarrenais, favorece a liberação de adrenalina, nas glândulas sexuais, os hormônios que conduzem ao excitamento.

Eleva a pressão sanguínea, os movimentos respiratórios, os batimentos cardíacos.

Estimula a produção de glóbulos vermelhos no sangue.

Dilata os vasos, favorece a eliminação de edemas.

Sua nota musical é o dó, isto é, quando um instrumento emite uma nota dó, produz uma vibração de cor vermelha.

 

 

Utilização terapêutica do vermelho:

 

 

anemia;

paralisia;

inflamação das articulações;

pressão baixa;

depressão;

reumatismo.

 

 

 

Contraindicações:

 

 

 

idosas e frágeis;

recém-nascidas;

com pressão alta;

sanguíneas;

com inflamações acompanhadas de febre;

violentas;

agitadas;

com insônia.

 

 

Alaranjado

 

O alaranjado atua no sistema nervoso autônomo simpático, estimulando-o um pouco menos do que o vermelho.

Estimula, ainda, a função de todas as glândulas endócrinas, especialmente as glândulas do sistema reprodutor – testículos nos homens e ovários na mulher – e as suprarrenais.

É uma cor vitalizante para todo o corpo. Sua nota musical é o ré.

 

 

 

Utilização terapêutica do alaranjado:

 

 

apatia devido a grandes traumas no campo dos sentimento;

preguiça funcional das glândulas endócrinas.

Por ser uma das cores que vitalizam as suprarrenais, é indicado em todos os processos que requeiram desinflamação com erradicação de edemas:

 

 

artrites;

reumatismo;

torceduras de qualquer região dos membros (pés, braços, punhos, joelhos);

bursites;

obesidade.

 

Contraindicações:

 

 

extremamente emotivas;

com insônia.

 

Amarelo

O amarelo é a cor do futuro e da alegria. É uma cor mais sugestiva do que estimulante. Atua nos sistemas nervoso central e autônomo simpático, vitaliza os neurônios cerebrais, favorecendo o raciocínio e a memória.

Combate à preguiça funcional dos órgãos internos.

Vitaliza o coração e todo o sistema circulatório. Atua na glândula timo, favorecendo a formação de glóbulos sanguíneos destinados à defesa imunológica do organismo.

Estimula o fígado e os movimentos peristálticos dos intestinos através do sistema nervoso autônomo parassimpático. Sua nota musical é o mi.

 

 

 

Utilização terapêutica do amarelo:

 

combater a depressão, tristeza, angústia, pois levanta o animo;

estimula as funções da glândula timo, prevenindo infecções;

ativar a memória;

combater a irritação dos brônquios;

estimular as funções hepáticas;

tratar a debilidade mental;

auxilia o raciocínio.

 

 

 

Contraindicações

 

diarreia;

insônia;

delírio;

demência;

pessoas extremamente nervosas.

 

 

 

Verde

 

 

Depois do azul do céu é o verde a cor mais encontrada na natureza.

O verde, em todos os seus matizes, tem o poder de propiciar o equilíbrio, a estabilidade, a perseverança, a tenacidade. Dá uma sensação de frescor e segurança.

Na cromoterapia, o verde neutraliza os efeitos do excesso do vermelho, do alaranjado e do amarelo. Por isso, ele é sempre utilizado no final do tratamento à base dessas cores.

O verde acalma e descongestiona.

A humanidade precisa muito do equilíbrio emocional propiciado pelo verde, daí o seu predomínio na natureza. Sua nota musical é o fá.

 

 

 

Utilização terapêutica do verde:

 

 

Na indicação terapêutica, é preciso levar em conta os tons do verde

 

 

Verde claro:

 

baixa a pressão alta sem interferir na pressão normal;

atua nos estados febris, baixando a febre;

relaxa e acalma através de massagem na coluna.

 

 

 

Verde-folha:

 

ativa o crescimento das crianças;

restabelece o equilíbrio hormonal na infância;

vitaliza todos os órgãos do sistema digestivo;

auxilia a expulsão de cálculos biliares e renais;

vitaliza os órgãos do sistema urinário;

associado ao vermelho, trata de diabetes;

estimula o pâncreas;

regula a quantidade de sangue, combatendo o excesso;

trata espinhas e eczemas, através de banhos com água verde solarizada.

 

 

 

 

Contraindicações:

 

Não apresenta nenhuma contraindicação.

 

 

 

 

Azul

 

Cor suavizante, que traz calma e serenidade, atuando no sistema nervoso central. É a tônica do Logos deste nosso Universo de onde é a cor predominante.

É a cor da paz, da devoção, do amor sublimado. Sugere descanso, quietude, reverência. Vitaliza as glândulas tireoide e paratireoide, além dos órgãos da garganta e do sistema respiratório.

É a cor, antes do verde, de maior necessidade para os habitantes de nosso planeta. Sua nota musical é o sol.

 

 

 

 

Utilização terapêutica do azul:

 

insolação;

membros inchados e vermelhos;

tumores;

tuberculose;

bronquite;

asma;

disfunções da hipófise e da tireoide;

distúrbio das amígdalas, faringe, laringe, traqueia, brônquios, bronquíolos e pulmões;

problemas com as cordas vocais;

insônia;

distúrbios físicos e mentais.

 

 

 

Para relaxar e acalmar, também é indicado para:

 

nervosismo;

tensões vasculares.

Além disso, a cor que produz estados de apaziguamento, de ternura, de afeto e de serenidade. É a cor da devoção. Acalma a mente e auxilia a concentração e a meditação.

A preferência dada a esta cor pode denotar necessidade de repouso e compreensão amorosa. Quem escolhe o azul ou é muito sereno ou precisa de paz. É uma pessoa que anseia por um mundo justo e íntegro. Pode estar necessitando de descanso físico e mental.

 

 

 

Índigo

 

 

Tal como o azul, o índigo apresenta ação relaxante e calmante.

Seu uso é indicado em substituição à cor vermelha, para pessoas que não podem ser expostas a esta cor. É o caso dos recém-nascidos, dos idosos, dos hipertensos, dos psicóticos, das pessoas agitadas e sanguíneas ou em estado febris. É anti-inflamatório, anti-hemorrágico e cicatrizante.

Representa o contentamento decorrente da realização de altos Ideais.

Provoca uma sensação de harmonia e unidade com a natureza. Produz a sensação de eternidade. Diminui a pressão sanguínea, o pulso e os batimentos cardíacos, auxiliando a recuperação do corpo pelos sistemas autoprojetores.

Representa uma necessidade biológica básica; em termos físicos, a tranquilidade; psicologicamente, a paz e a satisfação que conduzem à felicidade. Sua nota musica é o lá.

 

 

 

Utilização terapêutica do índigo:

 

Deve ser utilizado em substituição à cor vermelha, em todas as suas indicações, por pessoas que não podem ser expostas a esta cor. Além disso, é também indicado para tratamentos:

anti-hemorrágico;

anti-inflamatório;

descongestionante e antisséptico ocular;

dores devido a inflamação nos ouvidos;

perda de sangue pelo nariz;

cicatrizante;

eczemas e acnes;

vitaliza a hipófise e o cérebro inferior;

auxilia o raciocínio.

 

 

 

Contraindicações:

 

Não apresenta contraindicações.

 

 

 

 

Violeta

 

O violeta é a cor que regerá os próximos 2.000 anos. Já entramos em sua regência*. É a cor da transmutação, com efeito, altamente positivo. Queima registros cármicos negativos da aura, purificando-a e desativando miasmas que lhe tenham aderido.

É uma cor que só é liberada sob a vigência do Sétimo Raio, pois representa o final de um grande ciclo de 14.000 anos, época em que profunda seleção é feita em relação aos habitantes de nosso planeta. O esperado “final dos tempos” ou “apocalipse” já está em curso, como também a consequência separação do joio do trigo.

O violeta aumenta o magnetismo pessoal, age no sistema nervoso simpático, estimula e ativa o metabolismo do cálcio, atua na formação hormonal, regula o desdobramento químico das substâncias e tem acentuado efeito nos líquidos da

É a cor de frequência mais alta registrada pela nossa visão e por isso de alcance mais profundo nos tecidos. Sua nota musical é o si.

 

 

 

 

Utilização terapêutica do violeta:

 

 

anticancerígeno;

anti-inflamatório;

desinfeccionante;

calmante;

vitalizador da hipófise;

transubstanciador dos miasmas da aura;

purificador do ambiente;

estimulante e ativador do metabolismo do cálcio, combatendo o raquitismo;

beneficiador dos líquidos da coluna vertebral;

regulador do sistema nervoso simpático.

 

 

 

Contraindicações

 

Não apresenta contraindicações.

 

 

 

 

Róseo

 

 

O róseo é a cor resultante da vibração do amor. Energiza o sistema nervoso, tonifica e embeleza o semblante.

Induz ao romance, às palavras suaves, à delicadeza. Dá sensação de bem-estar e pureza. Estimula a boa vontade e a simpatia. Aproxima os seres.

 

 

Imagem Folheados

 

Utilização terapêutica do róseo:

 

 

Deve ser usado na aura do paciente antes de se iniciar o tratamento cromoterápico, após o violeta:

desintoxicar os centros nervosos;

tonificar e vitalizar os nervos;

favorecer a circulação de todas as cores através dos canais etéricos do duplo-etérico, por ser a corrente vital dos mesmos.

 

 

 

 

Contraindicações:

 

 

Não apresenta contraindicações.

 

 

 

 

Branco

 

É a síntese de todas as cores, a combinação harmoniosa, perfeita, das freqüências coloridas.

O Sol Central que gerou e mantém a vida ema nosso Universo emite a luz branca, leitosa, puríssima, surpreendente.

Este Sol é a expressão da Vida Uma que associa toda manifestação cósmica, desde a mais grandiosa galáxia ao menor de todos os átomos, desde a vida de um arcanjo ao menor de todos os micróbios, a uma Unidade, em essência indivisa.

Não existe porção desse universo, por menor que seja, que não esteja banhada e interpenetrada pela luz desse Sol Central, que leva em si todos os atributos de sua fonte: amor-sabedoria, vontade e atividade inteligente em todas as suas múltiplas expressões. Assim, Deus realiza Sua onisciência e onipresença vinda da luz que é irradia do Sol Central do Universo e do Sol Central de Sua presença em cada ser criado.

 

 

 

Átomo monódico:

 

No coração, precisamente no “nó sinusal”, se encontra o átomo monódico, que é a ligação da nossa essência, o Cristo, com o Espírito e sua manifestação através da personalidade (corpo intelectual-emocional e corpo físico).

Esse fato faz o homem levar instintivamente a mão ao peito na altura do coração quando diz: Eu.

Assim, sempre que precisarmos de proteção ou quisermos proteção para alguém especial, convém evocar a Luz Branca do Cristo, focalizando o próprio coração, ou o da pessoa a quem desejamos proteger, que este se acende como um sol de luz leitosa, branca, puríssima, a nos envolver em sua poderosa irradiação. Este sol assemelha-se ao Sol Central, de onde promana e é sustentada toda vida criada em nosso Universo.

 

 

 

 

Utilização terapêutica do branco:

 

 

energizar todo o corpo de forma poderosa;

 

 

 

Contraindicações:

 

Não apresenta contraindicações.

 

 

 

Cada pessoa é um ser único e as Cores do Espectro Solar associada a Água , são a purificação expandida em Elementos Sagrados que trabalham pelo bem e harmonização do Ser Humano dentro dos 7 Sentidos da Vida de cada um.

 

 

Muita Luz e Paz

Flávia Vicente

12 Flares Twitter 1 Facebook 8 Google+ 2 Pin It Share 0 LinkedIn 1 Email -- 12 Flares ×
Postado por | 17/09/2012 | Categoria: EsoterismoGeralSaúde | 731 views

Você sabia que o autor deste artigo ganha dinheiro até hoje por te-lo escrito?

Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

Deixe um Comentário


− cinco = 3

Imagem Folheados

Comente nas Redes Sociais

Baixe o Ebook 'Como Montar o seu Negócio Online
Gerando Novas Fontes de Renda'


Assine Nossa Newsletter

Email:


12 Flares Twitter 1 Facebook 8 Google+ 2 Pin It Share 0 LinkedIn 1 Email -- 12 Flares ×