BI (Business Intelligence)

Segundo pesquisas realizadas através de artigos na enciclopédia eletrônica Wikipédia, o termo em inglês BI (Business Intelligence), criado pelo Gartner Group é traduzido em português como Inteligência de Negócios, no qual sua função é a manipulação de todas as informações referentes à gestão de negócios da organização, ou seja, organizar, monitorar, coletar e analisar estas informações.
O BI coleta os dados referentes à organização, os organiza e transforma em informações, que através de uma análise feita pela própria ferramenta, se transformara em inteligência, que no final ira gerar valor e vantagens nas tomadas de decisões, para que a organização se torne competitiva no mercado em que atua.
São contidos dentro de um BI, ferramentas de apoio como o Data Warehouse, que funciona basicamente como um repositório de dados ou banco, onde são armazenados as informações referentes a organização, onde são gerados relatórios contendo informações estratégicas que ajudam nas tomadas de decisões da organização, e os Data Marts, que são pequenos Data Warehouse, divididos em subconjuntos, tendo a finalidade de capturar as informações contidas em um Data Warehouse central, proporcionando informações mais detalhadas de um determinado departamento ou usuário.

Objetivos do BI

O principal objetivo desta ferramenta é fazer uma análise externa de mercado e identificar concorrentes, necessidades do consumidor, processo de decisão do cliente, pressões competitivas, condições industriais relevantes, aspectos econômicos e tecnológicos e tendências culturais, proporcionando alternativas para que a organização possa efetuar mudanças internas, facilitando assim as tomas de decisões e estratégias organizacionais.

Benefícios do BI

De acordo Michel de Souza (2003), em artigo no portal imaster, os principais benefícios de uma ferramenta de BI são:

Sabia que o Autor deste Post Ganha Dinheiro até Hoje por te-lo Escrito?
Ganhe Dinheiro Escrevendo Artigos

•    Prever e Antecipar mudanças no mercado;
•    Antecipar ações dos competidores;
•    Descobrir novos ou potenciais competidores;
•    Conhecer melhor suas possíveis aquisições ou parceiros;
•    Conhecer novas tecnologias, produtos ou processos;
•    Entrar em novos negócios;
•    Rever práticas de negócio;

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
8 ⁄ 4 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>