A subjetividade enquanto característica dos valores estéticos

Os valores estéticos são valores que nós (pessoas) atribuímos a um objecto, ou seja, a subjectividade resulta de um juizo estético atribuído por um sujeito a um objecto, face à sua dimensão pessoal enquanto apreciador, isto é, um objecto que para uma pessoa é belo para outra pode não ser. Ao apreciarmos esse mesmo objecto estamos a emitir um valor positivo ou negativo, a que damos o nome de polaridade.
Na subjectividade, a beleza de um objecto está aos olhos de quem a aprecia, e é uma atribuição dada pelo sujeito e não uma característica que o objecto tenha em si.
Podemos assim concluir que estes valores estão constantemente presentes no nosso quotidiano e nas nossas acções, sempre que agimos de acordo com os nossos gostos, com aquilo que para nós é bonito, bom, útil ou agradável.

Talvez você goste disso também:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Solve : *
30 ⁄ 10 =


Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>